Pesquisar este blog

Follow by Email

quarta-feira, 28 de setembro de 2011

Trânsito no Derby- Transtornos e Soluções

Todos os dias ao saírem de casa, as pessoas enfrentam o mesmo problema na região do Derby: engarrafamento constante. É comum nos dias de semana, no período da manhã encontrar aquela área com um congestionamento gigantesco, que muitas vezes acaba dificultando o dia de várias pessoas devido ao atraso. Além da quantidade de veículos, alguns cidadãos insistem em estacionar seus carros em lugares proibidos por lei e que acabam proporcionando essa lentidão nas ruas já que faltam também guardas de trânsito para colocar ordem e fiscalizar.

Diariamente trafegam cerca de 72 linhas de ônibus na Região do Derby que fica localizado no centro do Recife. Por ser um ponto de encontro, aquela região está interligada às principais avenidas da cidade, como a Caxangá e a Agamenon Magalhães, é por esse motivo que milhares de pessoas cruzam suas imediações criando uma grande lotação de carros em ruas que não possuem suporte para esse conglomerado. O Grande Recife Consórcio de Transporte é o responsável pelas linhas de ônibus e por seu funcionamento eficiente, tendo como função manter uma harmonia entre os ônibus e os carros para que assim diminua o congestionamento durante os dias. É difícil manter uma agilidade por ambas as partes e no intuito de melhorar esse tráfego está sendo realizado um projeto composto pela construção do corredor Norte/Sul, que será o mais moderno corredor de Transporte Público do Nordeste. Entre as características desse corredor, está a construção de vias exclusivas para a passagem dos coletivos e a implantação de estações de embarque/desembarque modernas.
Sendo assim, diminuíra bastante o número de coletivos no local. O corredor terá inicio na BR-101, a partir do terminal de Integração de Igarassu, seguindo pela PE-15, Complexo Salgadinho até o encontro com a Avenida Cruz Cabugá, centro do Recife e Avenida Agamenon Magalhães, encerrando-se no terminal de Joana Bezerra. O corredor irá beneficiar diretamente os municípios de Recife, Olinda, Paulista, Abreu e Lima, Jaboatão, Igarassu, Araçoiaba, Itapissuma e Itamaracá, além de possibilitar a ligação aos demais municípios da Região Metropolitana do Recife (RMR) interligados ao Sistema Estrutural Integrado (SEI).

( Josefa Mirella Ribeiro)



Nenhum comentário:

Postar um comentário