Pesquisar este blog

Follow by Email

terça-feira, 27 de setembro de 2011

Arte, Música, bar, tudo em um só lugar






Parecia mais uma casa numa vizinhança tranquila em um bairro relativamente conhecido da cidade, se não fosse uma placa indicando que naquele lugar funcionava um bar. Um dos únicos locais onde rola som de qualidade, com shows de bandas da cena alternativa, voz e violão; exposições de artes e festinhas regadas a muita música e gente bonita. Isso, apenas um aperitivo para um público seleto, que divide nos fundos de uma residência, boa música, pinturas, gravuras, quadros, tranquilidade, amigos, comida boa, bebidas e muita animação.

O Quintal Experimental surgiu em outubro de 2010, é um projeto que tem como principal foco a exposição de novos artistas e bandas que fazem parte da cena musical da cidade, tornando-se não só uma vitrine para essa nova geração, mas também um exemplo de que uma pequena iniciativa, feita com boa vontade e muito esforço, pode render bons resultados.

O que antes eram apenas reuniões esporádicas de amigos e convidados, para churrasquinhos ou "Jan's" de músicos conhecidos da família, se tornou, hoje, um espaço bem popular e frequentado, por um público/cliente assíduo... Segundo o idealizador do projeto e dono do espaço, Waldemar Rangel, o fator que determinou esse sucesso a tão curto prazo, é simples: o boca-a-boca, já que não existe nenhum tipo de publicidade do bar, há não ser algumas mídias socias, como o Facebook e o Orkut, que divulgam só alguns eventos específicos. Mas também, o fato do Quintal estar aberto para manifestações culturais de todos os tipos, seja com as bandas, seja com exposições, festas e eventos que promovam sempre a interação social e celebre a arte, cria um clima propício, o que chama atenção das pessoas que vem, gostam, e na maioria das vezes sempre voltam.

No começo foi difícil manter o projeto, o fato do local ser rodeado por uma vizinhança de prédios e casas, causou dificuldades e transtornos. "Já chegaram a ameaçar de chamar a polícia, o que me deixou um pouco preocupado. Reclamavam bastante da zoada, que incomodava, mas aí depois, até essas próprias pessoas que tentavam jogar um balde de água fria, começaram a vim e aprovaram" conta seu Waldemar com um sorriso de satisfação.

Já passaram várias bandas pelo palco do projeto Quintal Experimental, Caapora, Jerivá, Cafo Blues, A Caravana do Delírio, entre outras atrações.

Henrique Ferreira

Nenhum comentário:

Postar um comentário